Bob Cuspe, sem anestesia

Desentendimento e ódio no discurso de ruptura de um personagem iconoclasta

Autores

  • Iberê Moreno Rosário e Barros Universidade Anhembi Morumbi (São Paulo, Brasil)
  • Laan Mendes de Barros Universidade Estadual Paulista (UNESP)

Palavras-chave:

História em quadrinhos, Contracultura, Comunicação sem anestesia, Desentendimento

Resumo

O discurso de ódio é tratado neste artigo em uma chave alternativa às abordagens que questionam a violência, a negação e a exclusão do outro, na busca da superação dos conflitos. Assume a ideia do desentendimento e do confronto, da crítica sarcástica e do discurso agressivo como recursos de enfrentamento e resistência, como “estratégias sensíveis” adotadas por segmentos subalternizados da sociedade que habitam os “territórios opacos” da cidade. Parte de articulações entre cultura e contracultura, história e comunicação, estética e política, no estudo de narrativas midiatizadas, como é o caso das Histórias em Quadrinhos e Charges. Traz para a análise um recorte do discurso de ruptura proposto pelo cartunista Angeli, na figura de um personagem iconoclasta, o subversivo e agressivo Bob Cuspe, que confronta e desafia a sociedade neoliberal com seu irônico e contundente discurso de ódio. Para problematizar e refletir criticamente sobre este tema, busca-se fundamentação teórica em leituras de autores como Jacques Rancière, Grégoire Chamayou e Muniz Sodré.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Iberê Moreno Rosário e Barros, Universidade Anhembi Morumbi (São Paulo, Brasil)

    Mestre em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo, Mestre e Doutor em História Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua como Professor de História Política na Universidade Anhembi Morumbi

    iberemoreno@gmail.com

  • Laan Mendes de Barros, Universidade Estadual Paulista (UNESP)

    Professor e pesquisador da Faculdade de Arquitetura, Artes, Comunicação e Design da Universidade Estadual Paulista (FAAC/UNESP). Doutor em Ciências da Comunicação pela ECA/USP, com pós-doutorado em Comunicação e Cultura pela Université Grenoble Alpes, na França. Coordenador do PPG em Comunicação da UNESP.

    laan.m.barros@unesp.br

Downloads

Publicado

31-12-2022

Edição

Seção

DOSSIÊ: ÓDIO, VIOLÊNCIA, NEGAÇÃO E EXCLUSÃO DOS OUTROS NA SOCIEDADE MIDIATIZADA

Como Citar

MORENO ROSÁRIO E BARROS, Iberê; MENDES DE BARROS, Laan. Bob Cuspe, sem anestesia: Desentendimento e ódio no discurso de ruptura de um personagem iconoclasta. Revista Comunicação Midiática, Bauru, SP, v. 17, n. 2, p. 157–180, 2022. Disponível em: https://www2.faac.unesp.br/comunicacaomidiatica/index.php/CM/article/view/557.. Acesso em: 18 jul. 2024.