+ POR PALAVRA
+ POR ÁREA DO CONHECIMENTO
+ POR PESQUISADOR
+ POR INSTITUIÇÃO

Facebook
Untitled Document


Você pode ouvir os arquivos de áudio num pop-up clicando em "ouvir" ou salva-los no seu computador clicando com o botão direito em mp3 e escolhendo a opção "salvar como...".
 
Marcelo Fernandes Oliveira
PROJETO BUSCA TORNAR LICITAÇÕES MAIS EFICIENTES

Ciências Humanas; Ciência Política; Políticas Públicas.

PUBLICADO EM 09.05.2012
 
Os processos de licitação servem para o poder público comprar equipamentos e contratar serviços de forma mais eficiente e barata. Ao economizar dinheiro é possível gerir o estado de forma mais eficiente. O projeto Licita Fácil foi criado para diminuir problemas como a formação de quartéis de licitação e a corrupção, que atrapalham a eficiência das licitações e prejudicam a sociedade. Em um site, disponibilizamos editais de licitação pública de Marília e região, também enviamos essas informações por email a uma base de dados de comerciantes e empresários cadastrados. Também informamos sobre o andamento da licitação, atualizando o banco de dados por email sobre a suspensão, cancelamento ou prorrogação dos processos licitatórios. Ao atualizar os comerciantes e empresários sobre os processos de licitação, estimulamos o mercado e ajudamos o poder público a fechar melhores contratos em prol da sociedade como um todo. Sou Marcelo Fernandes de Oliveira, coordenador do projeto Licita Fácil e professor do Departamento de Ciências Políticas e Econômicas da Unesp de Marília.
Podcast produzido por Thales Schmidt
Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998), mestrado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2001) e doutorado em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (2005). Atualmente é professor de Relações Internacionais na Faculdade de Filosofia e Ciência/Unesp/Campus de Marília, pesquisador em relações internacionais do Instituto de Estudos Econômicos e Internacionais - Unesp, pesquisador do Instituto de Gestão Pública e Relações Internacionais (IGEPRI) e Membro do Conselho Fiscal da ONG Marília Transparente.