+ POR PALAVRA
+ POR ÁREA DO CONHECIMENTO
+ POR PESQUISADOR
+ POR INSTITUIÇÃO

Facebook
Untitled Document


Você pode ouvir os arquivos de áudio num pop-up clicando em "ouvir" ou salva-los no seu computador clicando com o botão direito em mp3 e escolhendo a opção "salvar como...".
 
Oscar João Abdounur
Projeto divulga para leigos fenômenos envolvendo matemática e música

Ciências Humanas; Educação; .:: Especialidades ::..

PUBLICADO EM 08.09.2011
 
Sou Oscar João Abdounur, professor do Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo. Desenvolvo há quatro anos uma pesquisa intitulada “Exposição, matemática e música”. O objetivo desse projeto é divulgar para o público leigo conceitos e fenômenos acústico-musicais que podem ser explicados por meio da matemática, além de instigar os visitantes a identificá-los em nosso dia a dia. O ato de reconhecer um amigo no telefone pelo timbre da voz, por exemplo, é um processo do cotidiano que pode ser racionalizado matematicamente. Realizamos um estudo histórico da participação da matemática na explicação de fenômenos acústicos musicais. O resultado foi a elaboração de oito salas temáticas. Dentre os assuntos abordados nessas salas podemos destacar os experimentos de Pitágoras com o instrumento monocórdio e suas consequências, temperamentos e escalas, série harmônica e série de Fourier, uma leitura matemática da ideia de consonância. A exposição também incluiu um pequeno planetário onde se reproduz algumas interpretações da antiga doutrina pitagórica do som dos planetas, bem como uma sala abordando o desenvolvimento histórico das relações entre matemática e música do ponto de vista filosófico. A pesquisa contribui para o desenvolvimento de uma linguagem didático-pedagógica ao criar situações originais envolvendo matemática e música.
Podcast produzido por Lydia Rodrigues
Oscar possui graduação em Engenharia Eletrônica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica, mestrado em Matemática pela Universidade de São Paulo e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo .Realizou pós-doutorado em História da Ciência no Max Planck Institut für Wissenschaftsgeschichte em Berlim. Atualmente é professor associado/livre-docente do Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo, onde coordena o grupo de pesquisa Epistemologia, Didática e História da Matemática.